Sobre Empreendedorismo

Estava esses últimos dias lendo matérias de empreendedorismo, pois no nosso meio precisamos, realmente, desenvolver nosso lado empreendedor para crescer com Vendas Direta.

Empreendedorismo e Venda Direta andam juntos, pois um completa o outro.

Nós devemos sempre evoluir como ser humano, principalmente, mas também para se ganhar dinheiro para nosso sustento.

Infelizmente dependemos do dinheiro para sobreviver, mas também não podemos ser escravos do dinheiro, isto é fazer o dinheiro trabalhar por nós, não ao contrário.

Achei muito importante copiar essa matéria do Estadão, na seção Economia e Negócios, creio que isso ajude a abrir a cabeça de vocês.

 

Segue abaixo:

É possível aprender a ser empreendedor

2 de julho de 2012 | 8h03

Claudio Marques

Cris Olivette

Carlos Augusto Cruz afirma que ser empreendedor foi algo natural em sua vida. “Fiz alguns cursos técnicos e aos 16 anos já trabalhava com manutenção de computadores.” Aos 19, criou a Ctech Informática. “Só então percebi que faltavam alguns ‘detalhes’ para impulsionar a empresa.” Ele não tinha nenhum conhecimento de gestão. “Eu não sabia contratar funcionários, não entendia nada de legislação, nem de planejamento.” Mesmo trabalhando muito, não conseguia desenvolver o negócio. A solução, segundo ele, foi recorrer ao Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

“Participei de várias oficinas, identifiquei minhas fragilidades e passei a trabalhar esses pontos.” Desde 2007, a Ctech atua na área de gestão de servidores. Hoje, aos 28 anos, Cruz mantém uma equipe que gerencia 40 servidores. “Em termos de estações de trabalho são mais de mil máquinas operando com alguma solução instalada pela Ctech.” A história de Cruz reforça a opinião da equipe do Instituto Empreender Endeavor Brasil. “Nós consideramos que ninguém nasce empreendedor. O empreendedorismo não está no DNA, não é uma característica genética. Para nós, o ambiente é o principal responsável por formar o que as pessoas são”, afirma o gerente de busca e seleção de empreendedores, Luiz Guilherme Manzano. Segundo Manzano, alguns empreendedores são mais comunicativos, outros mais técnicos, alguns se saem melhor lidando com pessoas, outros cuidando de processos. “A característica pessoal do empreendedor vai variar, mas o mais importante é que ele seja um grande líder e saiba montar times muito bons.” Gerente de projetos do Centro de Empreendedorismo e Novos Negócios da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Rene Fernandes, afirma que as características essenciais ao empreendedorismo podem ser aprendidas e treinadas. “Existem cursos na FGV e nas melhores escolas ao redor do mundo especificamente com este objetivo.” Segundo Fernandes, estes cursos trabalham o desenvolvimente da criatividade, reconhecimento de oportunidades, treinamento ferramental, como o ensino de planos de negócios, além do processo de ‘aprender fazendo’, que ocorre nas competições de empreendedorismo. “Essas competições dão aos alunos a oportunidade de aprender desde o estágio inicial da criação de um novo negócio, passando pelo desenho de uma companhia, até o lançamento da empresa, enquanto adquirem capacidades gerenciais.” Ao cursar faculdade de contabilidade na PUC – Campinas,Cristiano Freitas adquiriu conhecimentos que o ajudaram a concretizar um sonho de adolescente: ser empreendedor. “Participei do projeto de empresa júnior e de grupos de pesquisa sobre o assunto, também fui responsável pela área de administração e finanças do diretório acadêmico. Vivenciei vários processos que contribuíram para o meu aprendizado.” Em 2009, Freitas criou, com dois sócios, o escritório de contabilidade Conta Prime. “Hoje, sempre que temos tempo, procuramos atualizar nossos conhecimentos. Esse projeto de vida exige aprendizado constante.” É justamente a capacidade de aprender que faz a diferença no perfil de um empreendedor, afirma Millor Machado, diretor de estratégia da Empreendemia, rede criada para acelerar negócios. “Por mais que a pessoa tenha experiência de mercado, ela sempre vai precisar aprender coisas novas. A pessoa curiosa corre atrás de novos conhecimentos e é razoavelmente autodidata. Assim seguem muito mais longe.”

 

Fonte:http://blogs.estadao.com.br/sua-oportunidade/e-possivel-aprender-a-ser-empreendedor/

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s